Brasileiro pode ser preso por mentir em processo de cidadania na Flórida

November 23, 2018

Link para matéria original: https://gazetanews.com/brasileiro-pode-ser-preso-por-mentir-em-processo-de-cidadania-na-fl/

 

O brasileiro Etevaldo Ferreira De Souza, 47, de West Palm Beach, foi considerado culpado por um júri por mentir em um processo para obter a cidadania americana, violando o Título 18 do Código dos Estados Unidos, Seção 1015 (a ), segundo oU.S. Citizenship and Immigration Services.

 

De acordo com o USCIS, as provas apresentadas no julgamento realizado no dia 9 de novembro de 2018, revelaram que De Souza foi acusado de homicídio qualificado e conspiração armada no Brasil em 1993.

 

De acordo com as acusações brasileiras, De Souza, apesar de não ser um policial, conspirou com policiais corruptos para cometer um assassinato no Brasil.

 

Cinco anos depois do crime, em 1998, De Souza entrou ilegalmente nos Estados Unidos. Em 2012, De Souza entrou com solicitação para residência permanente (green card), de acordo com a Legal Immigration Family Equity (“LIFE”) de 2000, que permitia que certas pessoas que entravam ilegalmente nos Estados Unidos obtivessem status legal.

 

Em seu pedido de residência, De Souza atestou que nunca foi acusado de violar qualquer lei ou decreto-lei, excluindo infrações de trânsito. A solicitação de De Souza foi concedida e ele se tornou um residente legal em janeiro de 2013. Em abril daquele ano, as acusações brasileiras foram canceladas.

 

Em 28 de julho de 2017, De Souza se candidatou para se tornar cidadão dos Estados Unidos. Em seu pedido, De Souza atestou que ele nunca havia sido acusado de cometer, tentar cometer ou ajudar a cometer um crime ou delito.

 

A sentença de De Souza está marcada para 18 de janeiro de 2019 perante o juiz distrital norte-americano Kenneth A. Marra. De Souza enfrenta uma pena estatutária máxima possível de cinco anos de prisão.

 

O advogado norte-americano Fajardo Orshan elogiou os esforços de investigação da ICE-HSI nesta questão. Ela agradeceu aos Serviços de Cidadania e Imigração dos EUA por sua assistência. Este caso está sendo processado pelo assistente do advogado dos EUA, Marc Osborne.

 

Documentos judiciais e informações relacionadas podem ser encontrados no site do Tribunal Distrital do Distrito Sul da Flórida em www.flsd.uscourts.gov ou em http://pacer.flsd.uscourts.gov.

 

 

 

Please reload

Featured Posts

Já pensou em empreender fora do Brasil? Confira dicas de especialistas

July 29, 2018

1/7
Please reload

Recent Posts