top of page

A importância de um bom Business Plan na hora de aplicar para o visto americano de investidor E-2.



O visto E-2 é um visto que permite a cidadãos de países com os quais os EUA têm tratados comerciais e de investimento a oportunidade de investir em um negócio e viver no país com base nesse investimento.


Para ser elegível para esse visto, é necessário fazer um investimento substancial em um negócio nos Estados Unidos. Não existe um valor mínimo do investimento definido pela lei de imigração, mas o investimento deve ser suficiente para operar e desenvolver o negócio.


Com isso, um bom plano de negócios é absolutamente essencial ao aplicar para um visto americano de investidor E-2, pois desempenha um papel crucial na demonstração do investimento realizado, e consequentemente, aumenta as chances de aprovação do visto.


Aqui estão alguns itens importantes para o plano de negócios ser efetivo na obtenção desse visto:


Demonstrar Viabilidade do Negócio

Um plano de negócios efetivo mostra que o projeto é viável e tem a capacidade de gerar lucros e empregos. Isso é essencial para convencer as autoridades de imigração de que o investimento não é apenas uma fachada para obter um visto, mas sim uma iniciativa legítima de negócios, e de que é mais do que suficiente para prover recursos financeiros para o investidor.


Evidência de Substancialidade do Investimento

O plano de negócios precisa demonstrar que o investimento é substancial, atendendo aos requisitos do visto E-2. Ele deve incluir detalhes principalmente sobre o capital já investido, mas também itens que serão investidos no curto prazo. Essa demonstração deverá evidenciar que o investimento já realizado, é mais do que suficiente para viabilizar o início da operação.


Ajuda na Tomada de Decisão

Um plano de negócios bem elaborado ajuda o investidor a tomar decisões informadas sobre como operar o negócio nos EUA. Isso pode contribuir para o sucesso do empreendimento e, portanto, para a manutenção do visto.


Simplicidade e objetividade

Uma linguagem simples e fácil de entender, de modo que o agente de imigração consiga compreender os pontos cruciais da sua operação de negócios, é muito mais importante do que um plano de negócios cheio de estatísticas e gráficos complexos. A concisão do documento é um fator importantíssimo, até mesmo por que normalmente uma petição para esse visto tem um limite entre 80 e 100 páginas, dependendo de qual cidade/país será a entrevista do visto. E a simplicidade é importante para que o agente de imigração entenda o conceito do negócio do aplicante ao visto, partindo da premissa de que ele não conhece nada do seu negócio.


Demonstrações financeiras claras e coerentes

Normalmente recomendamos que o Business Plan para o visto E-2 tenha um detalhamento das fontes de receita da empresa, um Profit & Loss (demonstrativo de resultados), o Balance Sheet (balanço patrimonial), um sumário dos investimentos realizados, uma tabela com os cargos e salários ano a ano, e um demonstrativo de fluxo de caixa. Tudo projetado num horizonte de 5 anos. E se for um negócio que já está operando, é preciso colocar os resultados do último ano também.


Minimizar Riscos

Ao identificar desafios potenciais e estratégias de redução de riscos, um plano de negócios bem elaborado pode ajudar a evitar perdas financeiras e a maximizar as chances de sucesso do negócio.


Cumprimento Contínuo dos Requisitos

Uma vez concedido o visto, o investidor deve continuar a atender aos requisitos do visto E-2, afinal se trata de um visto temporário. Um plano de negócios em andamento ajuda a garantir que o negócio permaneça em conformidade com esses requisitos ao longo do tempo.


Melhora das Chances de Sucesso Geral

Um plano de negócios sólido e bem elaborado não apenas é essencial para a aplicação do visto de americano de investidor, mas também é uma base fundamental para o sucesso do seu empreendimento nos EUA. Ele fornece uma estrutura que vai servir de guia para o crescimento e a sustentabilidade do negócio.


Por ser uma ferramenta indispensável para quem pretende obter um visto americano E-2, é altamente recomendável trabalhar com consultores de negócios e de imigração experientes para desenvolver um plano fundamentado e completo, que atenda aos requisitos específicos do visto e às necessidades do seu empreendimento. A JBJ Partners está no mercado desde 2016 ajudando pessoas que desejam empreender nos EUA ou internacionalizar seus negócios.


Se você pretende investir nos EUA e aplicar para o visto E-2, entre em contato e fale com um de nossos especialistas.


Comments


Posts em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Instagram
  • Facebook
  • LinkedIn
bottom of page