Perfil dos brasileiros que deixam o país mudou, mas razões para a saída seguem as mesmas

Em 2019, o número de pessoas que optaram por deixar o Brasil e se mudar definitivamente para o exterior foi mais que o dobro (crescimento de 125%) do registrado em 2013. Essa estatística se refere apenas às emigrações com Declaração de Saída Definitiva registrada pela Receita Federal, as únicas das quais há dados concretos. Além do aumento registrado no período – o pico foi em 2018 –, o perfil do emigrante brasileiro mudou. Antes, as pessoas que deixaram o país eram em sua maioria solteiros com ensino superior. Agora, são mestres, doutores, casais e famílias completas que formam a maior parte desse êxodo do Brasil. Busca por oportunidades impulsiona saída do Brasil Se, por um lado, mudou o p

Posts em destaque
Posts Recentes
Arquivo
Busca por palavras-chave
Siga-nos
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon