Experiência ao comprar uma linha celular nos EUA

Hoje resolvi compartilhar, como foi o processo de compra de uma linha telefônica num plano empresarial aqui nos EUA (linha pós-paga), logo que a JBJ foi iniciada.

A empresa que escolhi foi a T-Mobile, pois eles têm uma abordagem de simplicidade dos planos que me agrada bastante.

 

Foi necessário apenas mostrar o Tax ID (tipo o CNPJ do Brasil), meu passaporte como responsável pela empresa e mais nada.

Com base nesses dados, o atendente ligou para uma Central para fazer a análise de crédito da minha empresa. Ao mesmo tempo em que o atendente falava com a Central de Crédito, eu recebo uma ligação em outro celular que eu tinha, da própria T-Mobile, confirmando se eu era eu mesmo...rs 

Tudo confirmado, o atendente me avisa que o score de crédito foi nota 7 (não me perguntem como eles analisam isso para uma empresa nova e de uma pessoa estrangeira) e com isso não precisei fazer nenhum depósito preventivo, apenas pagar uma taxa de habilitação de US$ 20, e ainda fui habilitado a comprar aparelho.

 

Oferta do aparelho? iPhone 6S 16Gb com entrada de US$ 66 mais 24 parcelas de US$ 24,34. Total igual a US$ 650, mesmo valor que na Apple Store. Acreditem se quiser....rs Nem tudo é perfeito, mas logicamente ele vem bloqueado e só pode ser desbloqueado depois de quitado. Mas isso faz sentido...

 

Valor do plano: US$ 50, com ligações e SMS ilimitado para qualquer operadora nos EUA, fixo e celular, mais 2Gb de dados. Por mais US$ 10, você adiciona ligações ilimitadas internacionais para telefones fixos do Brasil. Nada mal, não? Esse era o plano mais barato, fora os pré-pagos.

 

 

Saí com o sim card ativo na hora e muito satisfeito com o atendimento, não imaginei que seria tão fácil!

 

 

 

Please reload

Featured Posts